Leigos Dehonianos: vivendo o Carisma de Dehon na Vida da Igreja.

th

Neste domingo, 27 de agosto de 2017, a Igreja reza de maneira especial por todos os leigos e leigas que dedicam suas vidas nos mais variados serviços eclesiais. São homens e mulheres que descobriram como fazer a diferença na evangelização mesmo sem terem recebido o Sacramento da Ordem ou a Consagração para a Vida Religiosa. São pessoas que buscam viver profundamente a vocação batismal e nela encontram a motivação para dizer: “eis-me aqui!“. Dentro do horizonte laical, em sua vastidão de serviços e variedade de expressões, encontramos os Leigos Dehonianos. É sobre estes que vamos refletir um pouco hoje, com a ajuda do Pe. Pedro Silva de Moura, scj que é responsável por acompanhar esse grupo que compartilha conosco o carisma deixado pelo Pe. Dehon. (Equipe de Comunicação BRE)

Por: Pe. Pedro Silva de Moura, scj

Os Leigos Dehonianos são pessoas que se dispõem a viver uma consagração a Deus através do carisma dehoniano. O termo dehoniano refere-se ao nome Dehon. Padre Dehon foi o fundador da Congregação dos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus. É dele que vem o carisma dehoniano, vivido hoje por seus filhos espirituais, o que chamamos de família dehoniana: religiosos, Leigos dehonianos, MDJ, entre outros.

 O Leigo Dehoniano vive este carisma no dia-a-dia de sua vida colaborando na construção do Reino do Coração de Jesus. Herança deixada para nós por Pe. Dehon, que inspirado pelo Espírito Santo cultivou um amor intenso ao Coração de Jesus, e em 28 de junho de 1878 fundou a Congregação dos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus (Dehonianos). Este carisma surgiu através da experiência mística que ele teve com o Coração de Jesus aberto na Cruz. Pela sua tamanha espiritualidade e intimidade com Cristo. Fez a experiência de entrar pelo lado aberto de Cristo e sentir o que seu Coração sentia no alto daquela Cruz. Coração cheio de amor infinito, fonte inesgotável de amor e misericórdia pela humanidade. Um Amor não correspondido de nossa parte! Assim, com o intuito de tornar ainda mais amado este coração pela humanidade, Padre Dehon através de sua experiência mística do carisma quis viver sua vida em amor e reparação ao Coração de Cristo.

O carisma dehoniano foi comunicado a todo ambiente que rodeava Padre Dehon e também atingiu os leigos que se sentiram chamados por Deus e se propuseram a viver sua espiritualidade ao modo de Padre Dehon. Por isso em 1889 Padre Dehon fundou uma associação de Leigos de caráter pontifício: ADVENIAT REGNUM TUUM, aprovada pelo Papa Pio XI. Com a chegada dos missionários dehonianos ao Brasil em 1893, esse carisma também foi ocupando espaço na vida de muitas leigos.

Os Leigos Dehonianos (LD), sãos cristãos que vivem sua vocação batismal no ambiente familiar, escolar, profissional, político e eclesial em que estão inseridos e sentem o chamado para viver segundo um carisma específico: o carisma dehoniano. No lado aberto e no coração transpassado do salvado, Padre Dehon viu concretizada a expressão máxima do amor de Deus Pai pela humanidade e percebeu que a causa dos grandes males da sociedade é a recusa deste Amor. O Leigo Dehoniano, irresistivelmente atraído por esse carisma e impelido a responder-lhe, quer fazer de toda a sua vida, uma expressão de amor e oblação.

hpd002

Na Província BRE temos incentivado a vivencia desse carisma nos lugares onde desenvolvemos nossos trabalhos como religiosos dehonianos. São muitas pessoas que de diversas maneiras abraçam esse carisma nas diversas realidade em que vivem. São Leigos adultos, jovens que compartilham conosco da herança deixada por Pe. Dehon.

Atualmente temos leigos dehonianos no Povoado Roçadinho – município de Ibateguara – AL, em João Pessoa – PB, em Fortaleza nas Paróquias de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro do (bairro Carlito Pomplona) e de Nossa Senhora de Fátima do (bairro Álvaro Weyne) em Fortaleza – CE.

photo[404]

Pe. Pedro Silva de Moura, scj – Religioso da Congregação dos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus. Pároco da Paróquia de Nossa Senhor de Fátima, no bairro Álvaro Weyne, em Fortaleza -CE.

Esse post foi publicado em Artigo. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s