BRE: Comunidade da Casa Geral SCJ de Roma reza Via Sacra da Campanha da Fraternidade 2014

Comunidade da Casa Geral SCJ de Roma reza Via Sacra da Campanha da Fraternidade 2014 

Imagem

A nossa comunidade da Cúria Geral SCJ e do Colégio Internacional Padre Dehon de Roma rezou na última sexta-feira dia 21 de março sua “Via Crucis” com o texto da Campanha da Fraternidade 2014 celebrada pela Igreja no Brasil. 
A cada sexta-feira da Quaresma, às 20h30 em nossa capela, nós nos reunimos para rezarmos em comunidade a Via Sacra. Um confrade fica responsável para propor o roteiro de meditação das estações. Como fiquei responsável pela sexta-feira passada então aproveitei a oportunidade para partilhar com a comunidade um “jeito bem brasileiro” de meditar os mistérios da paixão do Senhor.  
O texto da Via Sacra CF 2014 foi proposto pelo grupo de Religiosos Brasileiros de Roma (RBR). Este grupo é formado por religiosos e religiosas que moram na capital italiana por razões de trabalho ou estudos. Há alguns meses eu estou fazendo parte deste grupo como forma de “aliviar” um pouco a saudade de nossa “brasilianidade”. 
Para ajudar as comunidades onde estamos presentes como religiosos/as brasileiros/as aqui em Roma, pensamos em apresentar uma tradução italiana do nosso roteiro para a Via Sacra a fim de que pudesse enriquecer a meditação da paixão de Cristo com a inspiração da Campanha da Fraternidade. Fizemos uma tradução do texto proposto pela Comissão para a CF da CNBB. Trabalhamos nesta tradução o Pe. José Tadeu, estigmativo, o Fr. Leonardo, franciscano menor, e eu. Tentamos fazer uma tradução que respeitasse o estilo popular do roteiro mas que fosse compreensível também na estrutura da língua italiana. Penso que conseguimos fazer um bom trabalho. O texto já está sendo utilizado por diversas comunidades religiosas em Roma. Também utilizaremos o subsídio no próximo dia 06 de abril, quando realizaremos pelas ruas da Cidade Eterna nossa Via Sacra que terminará na Praça de São Pedro com a oração do Ângelus presidida pelo Papa Francisco e na qual faremos um ato em protesto contra a turismo sexual internacional que já assombra o Brasil por conta da Copa do Mundo. 
Imagem
 
A CF 2014 tem um tema muito atual e nos convoca a uma conversão que seja significativa também na dimensão sociocultural. Aqui vale lembrar o que disse o Papa Francisco na sua mensagem para a Igreja no Brasil por ocasião da CF deste ano: 
“Com a sua Paixão, Morte e Ressurreição, Jesus Cristo libertou a humanidade das amarras da morte e do pecado. Durante os próximos quarenta dias, procuraremos conscientizar-nos mais e mais da misericórdia infinita que Deus usou para conosco e logo nos pediu para fazê-la transbordar para os outros, sobretudo aqueles que mais sofrem: «Estás livre! Vai e ajuda os teus irmãos a serem livres!». Neste sentido, visando mobilizar os cristãos e pessoas de boa vontade da sociedade brasileira para uma chaga social qual é o tráfico de seres humanos, os nossos irmãos bispos do Brasil lhes propõem este ano o tema ‘Fraternidade e Tráfico Humano'”.
Fizemos uma boa experiência em nossa comunidade dehoniana rezando a Via Sacra da CF 2014! Já sei de diversas comunidades religiosas que estão também usando nosso roteiro brasileiro! Procuraremos fazer no próximo dia 06 de abril um evento que também tenha visibilidade internacional e que chama a atenção para o grito profético que a Igreja no Brasil, vivendo o espírito quaresmal de conversão, está levantando no mundo contra o tráfico de seres humanos por diversos motivos e para diversos fins. 
 
O Papa Francisco está conosco! A sua mensagem para a Igreja no Brasil é muito clara: “Não é possível ficar impassível, sabendo que existem seres humanos tratados como mercadoria! Pense-se em adoções de criança para remoção de órgãos, em mulheres enganadas e obrigadas a prostituir-se, em trabalhadores explorados, sem direitos nem voz, etc. Isso é tráfico humano!”
Vivamos o espírito quaresmal que nos ajuda a celebrar a Páscoa de Cristo na vida do povo! 
“Quantos ataques aos valores basilares do tecido familiar e da própria convivência social! Sim, há necessidade de um profundo exame de consciência. Como se pode anunciar a alegria da Páscoa, sem se solidarizar com aqueles cuja liberdade aqui na terra é negada?” (Papa Francisco) 
 
Pe. Gimesson Eduardo da Silva, SCJ
Colégio Internacional Leão Dehon de Roma 
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s